MASSOTERAPEUTA ÉVERTON RODRIGUES















segunda-feira, 31 de outubro de 2011

BUSQUE A FELICIDADE DENTRO DE SI MESMO E ESTEJA ZEN

O ser humano é, por natureza, repleto de desejos. Em princípio, o termo “desejo” pode causar uma conotação ruim, entretanto, o que seria do ser humano se não tivesse desejo de saciar a fome ou a sede? Simplesmente não sobreviveria, morreria. O que seria da humanidade se não houvesse o desejo de perpetuar a espécie? Hoje nós não existiríamos.
A questão a ser refletida está simplesmente no grau do desejo. Um desejo que se torna excessivo se transforma em ambição e, consequentemente, esta ambição nos leva a querer muito mais do que realmente necessitamos e inconscientemente nos deixamos mergulhar em um mundo egocêntrico.
Do ponto de vista do ensinamento zen, a existência de inúmeros desejos é inevitável por fazer parte da própria natureza humana. Entretanto, cabe-nos aprender a ponderar e a evitar o excesso de quaisquer desejos. “Estar zen” é estar vivendo em equilíbrio consigo e com todos os seres da natureza.
Toda e qualquer vida está em constante transformação. Não existe sequer um milésimo de segundo igual a outro. Assim como nossa vida é regida pela impermanência, não sabemos o que nos aguarda num momento seguinte ao que vivemos.
Independente de nacionalidade, ideologia, crença religiosa, condição financeira ou escolaridade, o fato é que tudo que tem vida um dia certamente desfalecerá e esta é uma verdade da qual não podemos fugir. Entretanto, apesar de sabermos que um dia vamos morrer, ninguém sabe ao certo quando será a sua hora e esta é a razão principal pela qual devemos viver intensamente cada momento de nossas vidas como se fosse o último.
“Pequenas boas ações valem mais que belas palavras...”, ao colocarmos em prática nossas ações, um décimo delas que seja, certamente o efeito será muito maior que apenas a expressão de palavras. A lógica não move o ser humano, mas a capacidade que o ser humano tem de se emocionar é que o faz mover seu coração. Se refletirmos sobre palavra “emoção/comoção”, em japonês ( - kandô), veremos que sua formação é feita com a junção dos ideogramas “ – sentir” e “ – mover-se”.
A felicidade buscada pelo ser humano na verdade não é uma condição única, ou seja, um acessório ou uma bagagem que carregamos no decorrer de nossas vidas e que a cada momento estará preenchida com uma condição e uma carga diferente, não é permanente e estará constantemente passando por transformações.
Nossa felicidade não deve ter como parâmetro a felicidade alheia... o parâmetro está dentro de cada um de nós. O importante é buscar a felicidade dentro de si mesmo; a felicidade que se busca exteriormente não passa de um mero acessório que, a qualquer momento, pode se quebrar ou se perder.
Momentos da vida em que:
... contemos as lágrimas na tentativa de resistir à tristeza.
... suportamos o sofrimento sem nos queixar.
... ouvimos em silêncio as críticas sem refutar com pretextos.
... contemos a raiva e, com firmeza, suportamos a humilhação.
São em momentos como esses que nossa visão do mundo se torna mais profunda e as raízes da Vida crescem, ganham forças e tornam-se ainda mais profundas.
No ensinamento zen, diz-se que “mais vale ser um bom ouvinte a um bom orador...”. Todos nós sentimos a necessidade de alguém para conversar e desabafar o que está no íntimo de nossos corações e, nestes momentos, termos ou não alguém que possa nos ouvir faz uma enorme diferença em nossas vidas... Façamos a diferença na vida de alguém.

Créditos: O texto original é de autoria do superintendente-geral da Escola Sotoshu na América do Sul e abade superior do Templo Busshinji, bispo Koichi Miyoshi, e tradução de Cristina Izumi Sagara.

quarta-feira, 14 de setembro de 2011

IMPORTÂNCIA DO ALONGAMENTO

O que é o alongamento?
Alongamentos são exercícios voltados para o aumento da flexibilidade muscular, que promovem o estiramento das fibras musculares, fazendo com que elas aumentem o seu comprimento. O principal efeito dos alongamentos é o aumento da flexibilidade, que é a maior amplitude de movimento possível de uma determinada articulação. Quanto mais alongado um músculo, maior será a movimentação da articulação comandada por aquele músculo e, portanto, maior sua flexibilidade.
Segundo Bruna Joaquim Carneiro, professora de educação física e nutricionista, o alongamento é uma prática fundamental para o bom funcionamento do corpo, proporcionando maior agilidade e elasticidade, além de prevenir lesões.
Essencial para o aquecimento e relaxamento dos músculos, deve ser uma atividade incorporada ao exercício físico, mas também pode ser praticado sozinho.
Qualquer pessoa pode aprender a fazer alongamentos, independentemente da idade e da flexibilidade, segundo Bruna Caneiro mesmo quem apresenta algum problema específico, como LER ou hérnia de disco também pode fazer alongamentos, mas com menos intensidade. Não é preciso grande condição física ou habilidades atléticas.
Os alongamentos podem ser feitos sempre que se sentir vontade, uma vez que relaxam o corpo e a mente.
Quando feitos de maneira adequada os alongamentos trazem os seguintes benefícios:
-reduzem as tensões musculares;
-relaxam o corpo;
-proporcionam maior consciência corporal;
-deixam os movimentos mais soltos e leves;
-previnem lesões;
-preparam o corpo para atividades físicas;
- Ativam a circulação.
No caso de estudantes eles podem ser feitos até no intervalo das aulas, o alongamento ajuda na respiração, facilitando a circulação sanguínea o que aumenta o raciocínio.
Como deve ser feito?
A respiração é fundamental: quando se respira fundo aumenta-se o relaxamento muscular. É a respiração que dá o ritmo ao exercício e por isso deve ser lenta e profunda.
Deve-se respeitar os seus limites. Forçar o alongamento pode causar lesões nos músculos e tendões. Não se preocupe em alongar até ao limite. Aos poucos você vai ganhar flexibilidade.
Regularidade e relaxamento são ingredientes obrigatórios para um bom alongamento. Aprenda a introduzi-lo em sua rotina. É possível alongar enquanto se faz outras coisas como ler ou ver TV.
Os alongamentos conseguem esse resultado por aumentarem a temperatura da musculatura e por produzirem pequenas distensões na camada de tecido conjuntivo que revestem os músculos.
Por que fazer alongamentos?
Tanto uma vida sedentária, como a prática de atividade física regular intensa, em maior ou menor grau, promovem o encurtamento das fibras musculares, com diminuição da flexibilidade. Quanto à atividade física, esportes de longa duração como corrida, ciclismo, natação, entre outros, fortalecem os músculos, mas diminuem a sua flexibilidade.
Nos dois casos, a conseqüência direta desse encurtamento de fibras é a maior propensão para o desenvolvimento de problemas em ossos e músculos. Provavelmente, a queixa mais freqüente encontrada tanto entre sedentários, como entre atletas, é a perda da flexibilidade provocando dores lombares, por encurtamento da musculatura das costas e posterior das coxas, associado a uma musculatura abdominal fraca.
Com a prática regular de alongamentos os músculos passam a suportar melhor as tensões diárias e dos esportes, prevenindo o desenvolvimento de lesões musculares.
Quando alongar?
É importante alongar adequadamente a musculatura antes e também depois de uma atividade física. Isso prepara os músculos para as exigências que virão a seguir, protegendo e melhorando o desempenho muscular. Pela sua facilidade de execução, a maioria dos alongamentos pode também ser feitos, praticamente, a qualquer hora. Ao despertar pela manhã, no trabalho, durante viagens prolongadas, no ônibus, em qualquer lugar. Sempre que for identificada alguma tensão muscular, prontamente algum tipo de alongamento pode ser empregado para trazer bem estar.


Como alongar?
Antes de tudo, é importante aprender a forma correta de executar os alongamentos, para aumentar os resultados e evitar lesões. Inicie o alongamento até sentir uma certa tensão no músculo e então relaxe um pouco, sustentando de 30 á 40 segundos, voltando novamente à posição inicial de relaxamento. Os movimentos devem ser sempre lentos e suaves.
O mesmo alongamento pode ser repetido, buscando alongar mais o músculo evitando sentir dor. Para aumentar o resultado, após cada alongamento, o músculo pode ser contraído por alguns segundos, voltando a ser alongado novamente. Bruna Carneiro ressalta que o ideal é combinar a prática do alongamento a uma atividade aeróbica, como, por exemplo, a caminhada. 

Créditos: Por Patrícia Bressan Gennari. 

quinta-feira, 8 de setembro de 2011

MUDE SEUS HÁBITOS E ENTÃO MUDE SUA VIDA!


Uma frase de Albert Einstein resume bem isso: “Não há nada que seja maior evidência de insanidade do que fazer a mesma coisa dia após dia e esperar resultados diferentes.”
Se tem problemas em sua vida, avalie seus pensamentos diários. Aquilo que você foca seu pensamento é o que você atrai. Aqui vale a máxima “Orai e vigiai!”. Ore agradecendo tudo que tem e vigie seus pensamentos e seus atos. Seja um “observador” de si mesmo. Se continuar pensando e agindo da mesma maneira, sempre e sempre, como quer que as coisas mudem?
Uma técnica que desenvolvi para “vigiar” os pensamentos: Imagine que sua mente é uma mesa branca e que você “Observador” está diante da mesa, olhando para ela e observando qual o próximo pensamento que chegará. Você vai perceber que os pensamentos param, como se ficassem inibidos. É uma ótima técnica para freá-los. Torne hábito essa atitude de observar seus pensamentos, e sentirá o estado de presença, do Observador, o Eu Interior, aumentando cada vez mais.
Outra coisa muito importante são os hábitos. Sabemos que nosso cérebro tem a peculariedade de repetir o estado vibratório emocional, isto é, se você fica ouvindo pessoas negativas falando dos males da vida, seu cérebro tem a peculariedade de repetir esse estado vibratório, trazendo pra você a mesma vibração, através da lei da ressonância e atraindo as coisas ruins para você através da lei da atração. Não assista jornais nem novelas, que só mostram o que há de pior na humanidade! Dê preferência por filmes que nos ensinem algo de útil. É uma situação de auto-alimentação.
Por exemplo, quando alguém está triste, a tendência dessa pessoa é ficar ouvindo músicas tristes, que sintonizam com o atual estado emocional dela. Por consequência disso, como as músicas são tristes, alimentam ainda mais a tristeza, ficando dentro de um círculo vicioso. O mesmo vale para músicas agitadas. Se uma pessoa possui problemas com drogas, por exemplo, quando ouve as mesmas músicas que ouvia quando as usava, instantaneamente seu cérebro liga a música a mesma sensação, ou seja, sem perceber a música te induz ao uso. Se você quer mudar sua vida, mude tudo. Faça uma faxina. Jogue fora tudo que não presta ou que não tenha utilidade nenhuma. Pare de ouvir tudo o que você costuma ouvir. Experimente ouvir músicas alegres, que te tragam paz de espírito, que não te lembrem nenhuma situação ruim de sua vida passada.
Pare de frequentar os mesmos lugares, mude as atitudes. Se queremos ver quem somos, analise seu círculo de amizades. Como eles são? Eles me trazem mensagens boas? Me trazem paz? São benéficos ou maléficos? Eles me ajudam ou só me deixam para baixo? Não os culpem pelo estado que você está no momento pois somos responsáveis em 100% de tudo que nos acontece. Se eles estão perto de nós, é porque nossa vibração tem sintonia com as deles.
Se você está mal, procure se distanciar deles. Melhore emocionalmente e mentalmente e você perceberá que as más companhias se afastarão sozinhas. Seja a luz no meio à escuridão. Só se aproxime quando você estiver 100% e puder ajudá-los. Leia bons livros, que ajudam a mudar as atitudes. Tenha pensamentos novos. Mude os paradigmas. Retire as crenças e dogmas de sua vida. Não acredite em ninguém, nem em você mesmo, mas aprenda a ouvir! Ouça sem julgamentos prévios baseados em crenças e dogmas arcaicos. A Verdade possui muitas faces. Não acredite em ninguém, mas ouça, e descubra a sua Verdade!

Créditos: portalnovaera.com.br

sexta-feira, 1 de julho de 2011

BENEFICIOS DA MASSAGEM EM IDOSOS


Com o aumento da esperança média de vida, a população idosa aumenta. A massagem pode trazer benefícios físicos e mentais a essa população, pois massagear o corpo pressionando determinados pontos com certa intensidade (maior ou menor, conforme o caso), não só aumenta a elasticidade da pele e dos movimentos, como pode eliminar dores, desde as resultantes de músculos contraídos às provocadas por problemas com origem em órgãos profundos.

Aplicar massagem terapêutica em idosos é tão gratificante quanto exigente, tratando-os com a dignidade merecida, ainda que o seu nível de consciência possa apresentar diversos graus de alterações.

Existem dois tipos de idosos: Aqueles que têm uma alimentação equilibrada e um estilo de vida ativa, esses podem usufruir a massagem como uma terapia complementar à sua vida saudável.

Outros, além dos problemas normais da idade, sempre possuíram hábitos de sedentarismos não fazendo exercícios físicos. A falta da atividade física diminui a circulação sanguínea e linfática, originando um aporte de oxigênio mais baixo e que poderá ser a causa de necrose celular.

O isolamento é um poderoso fato de risco para o idoso e aqueles que já têm a saúde debilitada beneficiam grandemente com a massagem pela sua elevada eficácia devido ao fato de desafiar emocional e fisicamente os idosos.

A grande maioria da população idosa é sedentária, muitas vezes devido a dolorosas artroses, dificuldades de equilíbrio ou problemas relacionados com circulação sanguínea.

Para estas situações, promove:
- o aumento da circulação sanguínea
- o aumento da circulação linfática
- o alivio da dor
- redução do stress e da ansiedade
- aumento da amplitude da mobilidade articular
- melhoria nos padrões de sono
- possível melhoria sintomatológica na doença de Alzheimer.

A importância da massagem no idoso é a certeza de que, pelo menos uma vez por semana receberá uma atenção totalmente dedicada ao seu cuidado individual, o que o fará sentir-se único e valorizado, ou seja, a auto-estima melhora.

domingo, 26 de junho de 2011

COMIDA SAUDÁVEL

Atitudes Nutricionalmente Corretas:

Não ingerir glutamato monossódico, aspartame, corantes artificiais.

Coma sempre em ambientes tranqüilos e livres das tensões do dia-a-dia.

Não faça suas refeições quando nervoso, cansado ou agitado. Emoção e comida andam juntas.

Mastigue bem os alimentos.

Concentre-se naquilo que come. Aprecie o sabor, cor, aroma e textura dos alimentos. Evite comer sempre a mesma coisa, principalmente pizzas, macarrão, founde.

Não ingira excesso de líquidos com as refeições, pois os líquidos atrapalham a digestão.

Coma sempre em local certo (por ex. à mesa).

Use e abuse dos temperos naturais: salsa, cebola, alho, coentro, manjerona, cebolinha, louro, manjericão, orégano, e limão, entre outros. Eles aquecem a nossa alimentação.

Procure esquecer as sobremesas. Elas são dispensáveis.

Reduza os alimentos que contenham açúcar refinado na composição.

Concentre todos os alimentos na cozinha.

Não caia na armadilha dos anúncios de alimentos.

Vá ao supermercado de “barriga cheia” e feliz.

Faça atividade física, pois faz bem para o corpo e para a cuca.

Não se iluda com as bebidas alcoólicas. Elas são muito calóricas. 
CRÉDITOS:
Dr. Carlos Lampert Filho

Nutricionista CRN2 2580

Blog: www.blogcomidasaudavel.com.br

Twitter: @drcarloslampert

Facebook: www.facebook.com/comidasaudavel

E-mail: nutri.c@terra.com.br ou nutricionistacarlos@gmail.com


Endereço: Rua Brasil, 680 Canoas-RS Fones: 34665531 ou 99830234.
BLOG COMIDA SAUDÁVEL: blogcomidasaudavel.com.br


quarta-feira, 25 de maio de 2011

HOJE É DIA DO PROFISSIONAL DA MASSOTERAPIA - PARABÉNS PARA NÓS!

25 de Maio - Hoje é Dia do Massoterapeuta

Parabéns a todos os profissionais da massoterapia que buscam nessa área da saúde o bem estar que se leva aos pacientes/clientes, pois tratamos suas tensões que vão do físico ao emocional.

Algumas conquistas - Realizadas para a Profissão:
1. A Lei Nº. 8345 de 10/12/1945 e Lei Nº. 3868 de 05/10/1961 - Dispõe sobre a Habilitação para o Exercício Profissional de Massagem e Profissões Similares;
2. A Portaria nº. 95 de 04/11/1952 – Que regulamenta as Escolas de Massagem;
3. Através de instruções da Lei Federal nº. 9394/96 e Deliberações e Resoluções da Secretaria e Conselho Estadual de Educação dos Estados no Brasil, várias Escolas tem Cursos de Terapias e de Massoterapia Reconhecidos;
4. Em 1995 foi criado 1º Código de ISS em São Paulo: Acupunturista e Massoterapeuta;
5. O Projeto de Lei nº. 2804/97 – Que visa à mudança da denominação de Massagem para Massoterapia;
6. O Projeto de Lei Nº. 263 de 11/03/1999 – Que visa à criação dos Conselhos Federal e Regional de Massoterapia;
7. A Portaria Nº. 397 de 09/10/2002 – Ministério do Trabalho e Emprego, que aprovou o CBO - a Classificação Brasileira de Ocupações: Códigos nº. 5161-35 Massoterapeutas/Afins; N.º 5161-15 Esteticista Corporal; Nº. 3221-15 Registra Quiropraxista, Rolfista. Nº. 3221-05 Terapeuta Naturista, Fitoterapeuta, Acupunturista.

segunda-feira, 16 de maio de 2011

CELEBRAÇÃO UNIVERSALISTA DO DIA DO WESAK - 17/MAIO, 19H - LOCAL ESPAÇO MAITREYA

Endereço: Rua Cristóvão Pereira, 257 - Bairro Passo D'Areia - Porto Alegre - RS - Brasil.
Contatos: basso.rejane@espacomaitreya.com.br & www.espacomaitreya.com.br / Informações pelos fones: (51) 3023-4463 / 8447-6011.
Celebrante: Paulo Stekel (músico, escritor, prof. de línguas sagradas e praticante budista http://stekelmusic.blogspot.com - pstekel@gmail.com). Contribuição: R$ 15,00 (quinze reais).


Sobre o Wesak


O Wesak ou Vesak é um feriado público anual tradicionalmente observado pelos budistas no sul e sudeste da Ásia (Nepal, Cingapura, Vietnã, Tailândia, Camboja, Malásia, Sri Lanka, Myanmar, Indonésia, Paquistão e Índia). Às vezes, é chamado de "o aniversário de Buda", embora compreenda o nascimento, a iluminação (Nirvana), e a passagem (Parinirvana) do Buda Gautama. Como é uma data definida por um calendário lunar, o Wesak é comemorado em datas diferentes a cada ano, mas sempre no 1º dia da lua cheia do signo de Touro, que em 2011 cairá em 17 de maio. A celebração do Wesak também significa fazer um esforço especial para trazer felicidade às pessoas em todas as circunstâncias. As comemorações começam antes do amanhecer, quando os devotos budistas cantam mantras em honra à Jóia Tripla ou seja, o Buda, o Dharma (ensinamentos) e o Sangha (os discípulos). A celebração é feita com orações, cânticos, ofertas e esmolas. Oferendas simples são também trazidas para o templo ou local de prática, como flores, velas e incensos. Muitos budistas devotos usam simples vestidos brancos neste dia. O Festival de Wesak é a festa mais importante para os budistas, reconhecido como uma celebração em homenagem ao Buda, e mais recentemente divulgada pelos espiritualistas universalistas como sendo envolvida com Shamballa (centro energético da Grande Fraternidade Branca), ou seja, "o Cristo", sentido e esperança de Unificação da mensagem de Buda e Cristo. É, na realidade um evento Celestial na Terra. Este é um momento intenso e significativo de energia, oferecendo-nos a oportunidade de mudança, libertação, amor, profunda paz e sintonia com o Plano Divino através da Hierarquia dos Mestres. A Celebração do Dia do Wesak no Espaço Maitreya será coordenada por Paulo Stekel. Após uma pequena preleção sobre a vida do Buda, serão entoados mantras budistas, a Grande Invocação e cânticos em várias línguas sagradas do Budismo. Importante: Além da celebração ritualística, haverá um compartilhamento de alimentos e bebidas em prol de todos os seres. Para isso, os participantes podem trazer os seguintes itens para compartilhar e, ao final, levar o que restar para distribuir a familiares, doentes, necessitados e amigos: alimentos de qualquer natureza (salgados, doces, frutas, pães, bolos, etc.), bebidas em geral (sucos, refrigerantes, café, chá, etc.), incensos, velas. Como é costume o banho ritual de imagens budistas no Dia do Wesak, os participantes poderão trazer seus objetos religiosos para passarem pela água sagrada (imagens budistas ou não, braceletes, jóias, anéis, cristais, etc.).
  • Celebrando com música budista canalizada por Stekel: Durante a celebração, Stekel, que é músico dos estilos new age/ambiente/eletrônico, realizará uma demonstração de seu trabalho com música canalizada entoando antigos mantras do Budismo em Páli (a mais antiga língua na qual aparecem os textos com as palavras do Buda). Os mantras cantados são os utilizados na Escola Theravada do Budismo, mas as melodias serão todas canalizadas ao vivo para os presentes. Uma rara oportunidade de captar energias búdicas de bênção e proteção através de sons cósmicos.
  • Celebração com oferecimento de Kheer (comida budista indiana oferecida no Dia do Wesak): Além dos alimentos compartilhados em conjunto e que serão trazidos pelos participantes, durante a celebração será oferecido um Kheer. O Kheer, um mingau de arroz doce, é normalmente servido para relembrar a história de Sujata, uma donzela que, na vida de Gautama Buda, ofereceu-lhe uma tigela de mingau de leite depois que ele havia abandonado o caminho do ascetismo após seis anos de austeridade extrema. Este evento foi um elo importante na sua iluminação. Na Índia, o Kheer oferecido no Wesak tem importância espiritual tão grande quanto o matsah (pão ázimo) na Páscoa judaica e é compartilhado com todos os presentes.

"A ALMA DA PALAVRA" - NOVO LIVRO DE STEKEL

Novo livro de Paulo Stekel:
Uma visão mais holística poderia ser útil para resgatar o valor das tradições ancestrais e a alma da palavra, perdida para nós, homens da “civilização global”. É o que Stekel propôs ao lançar a idéia de uma nova ciência para estudar as línguas e linguagens sagradas, a Hierolingüística, em seu terceiro livro, “Santo & Profano – estudo etimológico das línguas sagradas”. Agora, em “A Alma da Palavra”, Stekel apresenta na prática o que seria resgatar esta “alma”, entranhada na idéia de “espiritualidade” e “religiosidade”. Todo o ser humano tem uma relação com o transcendente, e isso é espiritualidade. Quando este procura alguma forma de sistematização desta relação, com a finalidade de crescer como ser humano, acaba por expressar sua religiosidade. Assim, um ser espiritualizado pode ser alguém que não professa religião instituída alguma. E, muitos religiosos têm se demonstrado as pessoas mais sem espiritualidade que se possa conceber. Estamos mesmo na era dos disparates.
As análises, argumentos e mesmo os exercícios que compõem certas partes desta obra, estão todos dentro dos postulados da Filosofia Perene, uma expressão cada vez mais comum. Mas o que é esta Filosofia Perene?
A Filosofia Perene é um termo geralmente usado como um sinônimo da expressão sânscrita Sanatana Dharma (“Verdade perene ou eterna”, lit. “sustentação eterna [do universo]”). O filósofo alemão Gottfried Leibniz o utilizou para designar a filosofia comum e eterna subjacente às grandes religiões mundiais, em particular suas interpretações místicas ou “esoterismos” (os ensinamentos privados). O termo foi cunhado durante o Renascimento por Agostinho Steuco, bibliotecário do Vaticano no séc. XVI, no livro De Perenni Philosophia libri X, de 1540.

sexta-feira, 6 de maio de 2011

A MÚSICA CANALIZADA DE STEKEL

No último final de semana, ao terminar um atendimento de massoterapia no Instituto Equilibrium, me chamou à atenção um cartão de visita de tema “SINTONIZAÇÃO MUSICAL”, de Paulo Stekel. O cartão indica seu blog, vídeos no youtube, telefone e e-mail para contatos. Pois bem, no início desta semana resolvi fazer pesquisas e fui descobrindo do que se tratava, e cheguei à conclusão de que seu trabalho é inédito, rico e com toda certeza sem comparação. Não me aguentei e na terça-feira liguei para o Paulo Stekel. Conversamos por um longo tempo e ele de maneira atenciosa e respeitosa esclareceu minhas dúvidas, principalmente no que se referem às suas músicas canalizadas, mantras codificados e até propostas musicais que podem simbolizar a nós mesmos. Bacana isso! Em seguida pedi a ele se havia a possibilidade de me enviar um material para postar no meu blog, e prontamente sua resposta foi um sim. Obrigado Paulo pela atenção, parabéns pela devoção e permaneça essa criatura iluminada de mente e coração. Divido com vocês meus amigos e minhas amigas, o que segue, um pouco dessa energia positiva de Paulo Stekel.

A Música Canalizada de Stekel - por ele:


A música emite uma frequência elevada e trabalha diretamente no nosso campo energético, gerando uma sintonização entre os sons com os diversos níveis de nosso ser e promovendo, inclusive, cura espiritual, equilíbrio emocional e psíquico no ser. Claro que isso depende do tipo de música que se ouve.
Em uma entrevista, Stekel disse sobre a canalização de músicas:
“A forma como se pode canalizar é bem variada, pode ser falando, escrevendo, desenhando, pintando, podem ser símbolos, música, inclusive existem várias pessoas que fazem isso no Brasil. A diferença de criar uma música como faz qualquer compositor e de alguém que canaliza é que o mote para aquilo tem um fundo espiritual e um objetivo específico, com fundamentação terapêutica; não é uma criação aleatória, é uma música sagrada de certa maneira. Então, pode-se canalizar toda expressão de linguagem, de comunicação.”
[Entrevista concedida a Yannik D'Elboux (Editora Corpo Mente - Curitiba, PR)]
música canalizada tem, realmente, inúmeras aplicações. Pode ser usada para relaxamento, meditação, realinhamento dos chacras, energização, indução do sono, etc.
Stekel começou a cantar aos 5 anos, por influência do pai, que é músico. Aos 6 ou 7 anos percebeu alguns fenômenos interessantes: a sensação de ouvir uma música celeste, semelhante a harpa. A partir daquele momento, ao olhar para o céu, em especial à noite, ou simplesmente relaxar na cama, era suficiente para Stekel “ouvir” algum tipo de melodia calma e relaxante.
Em 1993, Stekel teve a intuição de pesquisar as possíveis relações da Cabala hebraica com os aspectos sutis da música. Descreveu este processo na edição digital do livro “Projeto Aurora – retorno a linguagem da consciência”:
“Cada nota musical quer dizer algo no esquema do universo. Cada letra cabalística tem seu número, sua forma, sua cor e sua nota musical na escala diatônica. Quando transformamos em música uma palavra hebraica (...), o resultado não é dissonância, mas uma harmonia muito interessante. Quando escolhemos notas aleatoriamente, o resultado é dissonante. Portanto, o método não é ilógico.
Chamamos a este processo de transformar uma palavra hebraica ou sistemas logolingüísticos em sons musicais de “codificação de mensagens a partir de sistemas logolingüísticos correlatos em sistemas de harmonias musicais” ou, mais resumidamente, SISTEMA MELCOM (Mensagens Logolingüísticas Codificadas em Música).
Neste sistema podemos, teoricamente, controlar o significado e o efeito das letras que formam as palavras, transformadas em música. Como elas são regidas por notas musicais e não por compassos, duração ou outros componentes da música, quando temos a seqüência de sons, apenas a criatividade [ou, na verdade, um processo de “canalização”, hoje podemos dizê-lo] pode gerar uma melodia harmônica e sonora ao ouvido.”
Com o tempo, Stekel desenvolveu a idéia de que os nomes das pessoas também carregam vibrações, se as letras forem transcritas no alfabeto hebraico. Neste caso, deve-se considerar o som do nome, e não suas letras segundo nosso alfabeto. Deve-se usar a fonética hebraica para essa transcrição. Por fim, transformam-se as letras hebraicas do nome em notas musicais. No caso do nome “Paulo”, por exemplo, as letras hebraicas correspondentes são pê', 'álef, vav, lámed e vav (p'wlw, sem vogais).
Um detalhe: Para que a música codificada a partir do nome de uma pessoa tenha efeito, é necessário codificar o nome completo de nascimento.
A música canalizada começou a aparecer na década de 1980, mas de modo modesto. Na década de 1990, foi se intensificando fora do Brasil e, só recentemente, apareceram alguns trabalhos nacionais, geralmente com selos independentes. O estilo das músicas canalizadas é o da “new age music”, com certeza. Mas o diferencial é a espontaneidade da criação. Por isso, também é chamada de “música espontânea”, flertando com a música experimental. A música canalizada pode ser de dois tipos específicos: aquela que pode realmente ser chamada de “música espontânea”, quando é canalizada por inteiro (sendo gravada enquanto tocada ou cantada e depois apenas finalizada); aquela que é canalizada em partes, mas passa por um processo de edição em estúdio que melhora o efeito sonoro.
Faz tempo que a musicoterapia preconiza música clássica para certos desequilíbrios, como Beethoven para diminuir a timidez, Brahms contra o medo, Haydn para esgotamento nervoso, Strauss contra a depressão e Schubert contra problemas de sono. Não há dúvida de que deve funcionar, pois a música tem um poder inequívoco sobre nossas emoções. Tanto pode nos fazer rir como chorar, relaxar ou irritar, dependendo do caso.
É claro que ouvir música estridente por horas a fio não é uma boa terapia nem uma forma de relaxamento, além de levar ao risco de doenças e ao prejuízo da memória, devido ao excessivo derramamento de hormônios sem o posterior gasto da energia acumulada. O Dr. Hermann Rauhe (Hamburgo) já declarava isso em 1975.
De fato, os antigos acreditavam que a música obedecia a certas “leis ocultas”. Estas leis parecem ainda estar ocultas, apesar da grande influência musical em nossa era, como se pode observar nas terapias musicais e mesmo no dia-a-dia de todos nós. Mas todos somos influenciados por ela, homens, animais e até plantas, como confirmado por experiências de laboratório. Os antigos sabiam disso, bem como da capacidade inata que temos de “canalizar” música a partir de níveis internos. Em certas tribos da América do Norte, o sacerdote curava incentivando o doente a cantar melodias “inventadas” na hora pelo paciente. Assim, o doente concentrava suas forças e mudava o foco mental. É a mesma função dos mantras no Budismo Tibetano, por exemplo.
Entre os efeitos “ocultos” da música está um pouco observado: a influência de uma música não se limita ao instante em que a escutamos, mas se mantém em nosso inconsciente por um tempo relativo. No momento em que o cérebro registra a melodia, algo acontece em nosso ser interno e continua acontecendo por um tempo que depende do tipo de música, do nosso estado ao escutá-la, do ambiente em que estamos e das pessoas que nos rodeiam. Uma música adequada alimenta nosso eu interno e relaxa, inspira criatividade, conhecimentos novos e atitudes sadias, além de promover expansão da consciência.
Para Stekel, a diferença entre simplesmente aprender a tocar e/ou cantar uma música e “canalizá-la” está na: “espontaneidade, na entrega ao eu interno que se abstrai do externo, na sensação de unicidade com o cosmos e no arrefecimento do ego ilusório.” A música “canalizada” é uma expressão completa do “ser musical”, a seu ver. As grandes obras clássicas parecem ter saído de processos assim... Beethoven parecia simplesmente “ouvir” o que compunha... estando já surdo.
Há muito mais informação de qualidade espiritual na música do que podemos exprimir por palavras. Por isso, praticamente todas as religiões a colocam em lugar de destaque em suas estruturas (mantras, rezas, cantos gregorianos, ragas, spirituals, cantos tribais, hinos, invocações melódicas, etc.). A música “embutida” nas religiões pode ser chamada de “música de primeira geração”. Seu efeito terapêutico é verdadeiro, mas está conectada a valores arcaicos e sectários, e tem seus evidentes limites.
A música moderna, desde a popular, que toca nas rádios, até a world music, considerada “alternativa”, está no que chamamos de “música de segunda geração”. É a música do Século XX e ainda será a música de boa parte do Século XXI, cremos. Seu efeito é variado, pois esta música é muito variada, por vezes dinâmica e alegre, por vezes deprimente e triste. Seu verdadeiro diferencial é a tecnologia que usa e a criatividade.
Contudo, há uma nova forma de música que vem surgindo na Terra, uma música que usa a tecnologia criativa da segunda geração e o mote espiritual da primeira, mas sem a desarmonia de certos estilos da segunda geração ou a limitação sectária da primeira: É a “música canalizada”, recebida através de “sintonizadores” em várias partes do mundo há pelo menos duas décadas, e que vem se intensificando cada vez mais. Mas o que é essa música de terceira geração? Do ponto de vista técnico pode não ser muito diferente da música de segunda geração. Contudo, a forma como é criada (“sintonizada”) e o seu propósito são processos diferenciados. Esta música é uma nova forma de codificação da informação espiritual que nos é transmitida tanto por nosso próprio eu interior, quanto por consciências espirituais vivendo em outros planos, mundos ou níveis paralelos. Por isso mesmo, essa música tem o seu próprio simbolismo, gerando comandos subliminares, verdadeiros recados ao nosso eu imperfeito, para que este se aquiete e deixe fluir a mensagem do eu interno, que é o verdadeiro comandante. Se aceitamos estes recados, a energia flui sem barreiras por nosso corpo físico, emocional, mental, etc, ativando chacras, potenciais adormecidos e quebrando padrões de comportamento cristalizados. Tudo isso é necessário para termos um mundo novo, ou antes, uma nova humanidade... Uma música canalizada pode ser uma espécie de “auto-retrato” (quando vem do próprio eu interior) ou a captação da energia mais sutil de outra pessoa (cada um emite uma vibração peculiar), ou ainda a captação do ambiente, da inspiração de mentores invisíveis ou de uma coletividade espiritual. É uma verdadeira “tecnologia musical espiritual” para o Terceiro Milênio, capaz de nos aproximar do que os antigos indianos chamavam de “som cósmico criador” (shabda). Todos temos relação com este som, de modo que cada um de nós possui uma “nota de harmonia”. Descobri-la, é uma de nossas missões. 

Se você deseja conhecer mais sobre o trabalho com Mantras Codificados e Canalização Musical ou organizar um workshop, pedir sua música canalizada ou seu mantra codificado, entre em contato com o autor pelo email: pstekel@gmail.com

Vídeos sobre música canalizada e mantras codificados estão disponíveis no Canal de Paulo Stekel no YouTube: http://www.youtube.com/paulostekel

Vídeos em destaque para entender o que é música canalizada e mantras codificados:

1 – Healing Sequence (Stekel canalizando e produzindo uma música do álbum “Qadosh”): http://www.youtube.com/watch?v=4VAqR5IfSIk

2 – Como se faz música canalizada: http://www.youtube.com/watch?v=NN2sfXkdY6I

3 – Como se faz mantras codificados: http://www.youtube.com/watch?v=3K4VBlJr-zY

4 – Os sons das letras hebraicas (Stekel mostra o som de cada uma das 22 letras usadas na Cabala): http://www.youtube.com/watch?v=bDYpTlBLLeY

5 – Canalizando Música Pessoal (Stekel mostra o processo de canalizar música para pessoas):
Parte 1: http://www.youtube.com/watch?v=K293MMJVfec - Parte 2: http://www.youtube.com/watch?v=vfYPIISWLxw

quinta-feira, 5 de maio de 2011

ONDE ESTÁ A SUA CRIANÇA INTERIOR?

Quando uma criança faz muita bagunça uma velha frase vem à tona: “brincadeira tem hora”. No caso dos adultos também tem, mas de forma oposta. É preciso reservar um momento para voltar à infância, ou até mesmo vivenciá-la, de forma positiva, na maior parte do tempo. Afinal, não dá para levar a vida a sério 24 horas por dia.
De acordo com a psicóloga da Unimed Leste Paulista, Luana Viana Ciancalio, é natural que, com o passar dos anos, a criança existente em cada um seja reprimida em virtude das responsabilidades assumidas. Além disso, a sociedade exige um amadurecimento cada vez mais precoce. “A garotada tem agendas lotadas de compromissos, o que faz diminuir o tempo das brincadeiras, próprias da idade”, comenta Luana.
Mas o que é ser criança? “Essa palavra vem do latim infans, que quer dizer ‘aquele que não fala’, ou seja, não apto a possuir desejos e opiniões. Hoje em dia, o conceito mudou; a infância é percebida, agora, como uma fase de alegrias e brincadeiras”, afirma. Esse período é considerado transitório e exige cuidados. Os acontecimentos naturais desta época incluem o desenvolvimento físico, psicológico, cognitivo, emocional e social da criança. Entretanto, atualmente os pais parecem não permitir este processo.
Um pouquinho da infância no mundo adultoQuais características pueris um adulto poderia cultivar em sua vida, para que ela fosse levada de forma mais ‘leve’? Dentre os traços mais marcantes das crianças, a forma lúdica de entender e de se portar diante de um mundo muitas vezes cruel deveria ser mantida por toda a existência. “Desde os primeiros meses de vida o bebê brinca. Os jogos possibilitam o desenvolvimento das habilidades motoras, cognitivas, afetivas e sociais, tendo a linguagem como sua principal dimensão”, afirma a psicóloga.
Após a infância, vem a fase da adolescência. Definida como um período de transição para a vida adulta, se caracteriza pela maturação física, emocional e social. Nesta época existe a necessidade de auto-realização dentro de um grupo e, no rol das pessoas significativas, que antes se limitava aos pais e professores, e agora engloba também os amigos e ídolos.
Daí para a vida adulta, o aspecto principal de mudança está na postura assumida: o indivíduo, a partir de então, passa a ter um lugar na sociedade. Símbolos desse posicionamento são os ingressos na vida profissional, conjugal e parental. O pensamento torna-se mais pragmático, capaz de solucionar problemas e enfrentar desafios. “Sentir o peso dessa carga de responsabilidade não é fácil. Por isso, entre os 20 e os 40, há maior incidência de estresse, depressão e outras doenças psíquicas”, explica Luana.
O adulto de hoje já foi uma criança, que também passou pela construção da identidade e teve de conviver com sentimentos negativos: a frustração, o medo, a ansiedade. Por outro lado, conheceu vitórias e reforçadores positivos, e os dois tipos de experiência ficaram marcados no substrato inconsciente. Se o homem feito se sente muito rígido e sério, vale a pena o exercício de buscar essa criança. “Os adultos seguros de si e bem resolvidos são aqueles capazes de brincar como garotos, vez ou outra, sem se envergonharem”, garante Luana.
O lado negativo da criança que ‘vive’ no adulto se manifesta quando a pessoa não consegue lidar com as frustrações da vida. Basta lembrarmo-nos da época de infância, quando queríamos algo: fazer birra e chorar eram as táticas para se conseguir o desejado. Alguns marmanjos mantêm este traço de comportamento, tentando impor os seus desejos a qualquer custo.
As dicas para despertar esse lado envolvem o exercício de encarar as obrigações e pressões diárias de uma maneira mais “light”: relaxamento, alegria, ações inusitadas como correr na chuva, sorrir, enfim, divertir-se são comportamentos bem-vindos.

Fonte: Portal Nacional de Saúde – Unimed do Brasil

quinta-feira, 21 de abril de 2011

MASSAGEM DE CHOCOLATE = LITERALMENTE DELICIOSO!

O chocolate está mudando sua fama de vilão para a pele. Antes conhecido como responsável pelo aparecimento de acnes, o produto agora ajuda a rejuvenescer a hidratar peles ressecadas.

Rico em vitaminas B1 e B2, o chocolate contém substâncias antioxidantes. "Por causa de sua composição, ele é indicado para peles que estejam traumatizadas pela exposição ao sol, vento ou frio", explica a terapeuta Kimie Kawashima.

A psicóloga Roseli Magal, 32 anos, enfrentava o problema. "Antes de fazer o banho, minha pele vivia descascando. Por ser seca demais, nem com hidratante ela ficava mais oleosa", conta.
Roseli passou pelo processo no rosto e no corpo, aprovando o resultado final. "Com a massagem de chocolate, ela não está mais ressecada e sim com uma aparência boa".
"O chocolate proporciona uma sensação de relaxamento profundo e a pele fica super macia e hidratada", explica a dermatologista Lígia Kogos.
A massagem de chocolate é uma mistura de manteiga de cacau, cacau em pó, creme hidratante neutro, ginkgo biloba e centelha asiática. "Esta mistura é espalhada pelo corpo inteiro em movimentos circulares. Depois disso, a pessoa passa por uma hora de massagem", afirma Kimie.
O próximo passo é o banho de imersão no ofurô, com água morna e pétalas de rosas. "O banho de imersão retira os resíduos e estimula a sensualidade, a leveza e o bem estar da pessoa", esclarece a terapeuta.
Segundo a especialista, o processo completo leva aproximadamente duas horas. "Ele promove uma hidratação profunda na pele, devolvendo a umidade, maciez e luminosidade, deixando-a mais jovem e bonita. Para que os efeitos sejam maximizados, é ideal fazer uma leve esfoliação, assim as células absorvem com mais facilidade as substâncias do chocolate", afirma.
massagem, no entanto, é indicada apenas para as pessoas que tenham pele ressecada. "Para quem tem pele oleosa e com acne, o tratamento não é indicado. Neste caso indicamos apenas a esfoliação", explica Kimie.
A arquiteta Maria de Fátima, 35 anos, não foi informada sobre as precauções do tratamento e não gostou do resultado. "No meu caso, ninguém me avisou que quem tinha pele oleosa não poderia fazer o tratamento. A massagem deixou o meu rosto com mais acne do que eu já tinha, mas acredito que varia de pele para pele, conta".
"O tratamento pode ser feito uma vez por mês, que já é o suficiente. Mais do que isso já é exagero", afirma a terapeuta.
A massagem não é indicada apenas para mulheres. "Homens também podem fazer o tratamento, pois além de fazer bem para a pele, também ameniza o stress", esclarece Kimie.

Por: Luana Godoy - Agência MBPress.

terça-feira, 19 de abril de 2011

30 ANOS DE IDADE NESTE DIA 19 DE ABRIL DE 2011


OBRIGADO AOS AMIGOS PELO CARINHO!

MASSAGEM NO INVERNO, SIM!

Com a chegada do inverno, aumentam os problemas de circulação, dores pelo corpo e também doenças como gripes e resfriados. Além é claro da terrível pele ressecada. A massagem ajuda a estimula a circulação sanguínea e os músculos, desobstruindo o fluxo de energia e liberando toxinas presas aos músculos e tecidos.
A massagem ativa a circulação do sangue, da linfa e dos hormônios através dos movimentos de deslizamento, amassamento da musculatura e manipulação dos pontos de pressão.
“A massagem aumenta a vitalidade e retarda o envelhecimento, pois fortalece o sistema imunológico, trazendo benefícios no caso de gripes e resfriados, já que nesta época do ano estamos mais vulneráveis a eles”.
Os toques profundos proporcionam alívio de dores e tensões.
“É importante dizer que os efeitos da massagem não se limitam somente ao corpo físico, atuando também nos corpos mental, emocional e espiritual, trazendo uma série de benefícios”.

quarta-feira, 6 de abril de 2011

CONFIRA 10 DICAS PARA LIDAR MELHOR COM O STRESS DO DIA A DIA

... Especialista em desenvolvimento humano dá dicas e induz reflexões sobre comportamento na rotina.

O stress no trabalho, na faculdade ou nos relacionamentos influencia no comportamento diante das dificuldades, ou seja, na personalidade da pessoa. Segundo o médico espanhol Jorge Carvajal, pioneiro na pesquisa em Medicina Bioenergética na Universidade de Andaluzia, o ser humano adoece quando a personalidade resiste aos desígnios da alma.
A especialista em desenvolvimento humano Flávia Lippi estudado em técnicas ligadas ao autoconhecimento e qualidade de vida. Ela é autora do livro "Spiritual Coaching", que traz 100 perguntas de reflexão sobre o ser. Por isso, criou 10 dicas de como controlar o stress no dia a dia em meio ao trabalho e estudo, incluindo algumas das perguntas contidas no livro.

Confira e saiba lidar melhor com a pressão da rotina:
1. Se a realidade ainda não é como você sonha, se mantenha motivado em direção aos seus sonhos, todos os dias. Pergunte-se: O que está mantendo sua vida em direção ao seu maior sonho?
:: A resposta para essa pergunta é muito importante para que você encare a realidade e entenda o que está faltando para alcançar os seus sonhos, já que realizá-los fará bem à sua alma. Por isso, todos os dias, quando surgir uma dificuldade, esteja motivado a superá-la e foque os seus objetivos em algo maior: o seu sonho.

2. Evite se cobrar em excesso, já que as cobranças já são parte do seu cotidiano no trabalho e estudo. Pergunte-se: O sofrimento leva à renúncia?
:: Em diversos tipos de situações, seja no trabalho ou em qualquer atividade que exija o seu comprometimento, as cobranças vindas de terceiros serão constantes. Por isso, ainda que você tenha suas metas, evite ser mais uma pessoa a cobrar mais de você. Reflita sobre o que o faz sofrer e tenha em mente não desistir do que você acredita em função de pessoas que o pressionam todos os dias. Você é o seu melhor amigo e não mais um cobrador. Não renuncie suas metas em meio ao sofrimento. Supere-se.

3. Em seu dia a dia, procure agregar detalhes que o fazem feliz. Pergunte-se: O que lhe traz paz verdadeira? Qual é a sua fonte de alegria ilimitada?
:: Os detalhes fazem parte do todo. Por isso, ao longo do seu dia, procure agregar coisas que despertem felicidade. No trabalho, durante a pausa para o almoço, pense em momentos felizes, se entregue ao prazer de apreciar uma sobremesa, converse com os seus colegas de trabalho sobre assuntos rotineiros - televisão, música, cinema. Você pode tornar o seu dia mais agradável.

4. Valorize o seu trabalho e acredite em você. Demonstre o seu amor em suas atividades e com as pessoas ao redor. Pergunte-se: O que é amar de verdade?
:: Muitas pessoas se sentem insatisfeitas com o trabalho que exercem, seja em função da rotina exaustiva de ter que acordar cedo, passar horas no trânsito ou apresentar bons resultados. Já que existem muitas influências para isso e que muitas não podem ser evitadas, procure entender o que é o amor para você. Se você escolheu a sua profissão, se você trabalha pelos seus filhos, se você almeja novas metas, busque o aprendizado todos os dias e faço tudo com amor.

5. Faça o bem. Pergunte-se: Você pratica o bem pelo outro ou pelo seu próprio bem?
:: Fazer o bem aos outros é uma atividade que faz bem a você. O bem estar de alguém, quando proporcionado por você, o faz sentir muito mais valorizado, é como entender o valor da existência. Se não existir um bem maior, não há motivos para ser feliz. E se apenas você estiver bem, ao contrário dos outros ao seu redor, a felicidade não será completa, pois o meio pode influenciar o ser.

6. Tente não invejar o outro. Pergunte-se: Luxúria, inveja, ira e ilusão, neste momento, fazem parte da sua vida? Para que eles servem?
:: Se você sente inveja dos seus amigos e se sente inferior por não ser igual a eles, procure entender o que esse sentimento renderá de positivo a você. A resposta para essa pergunta o fará muito mais compreensivo em relação ao que realmente importa: seus sonhos, suas metas, seus objetivos, suas obrigações. Pense na sua vida e nos seus ideais, almeje o sucesso de todos ao redor. Cresça junto às pessoas, contribua para o crescimento de outras, absorva o que lhe faz crescer, abstraia tudo que não irá contribuir com o seu amadurecimento.

7. Resolva as suas pendências com tranquilidade e agilidade. Pergunte-se: Você se preocupa em solucionar seus problemas ou se ocupa em buscar boas soluções?
:: Se você acredita estar em um momento difícil, quando tudo parece problema, acalme-se. Pense no que realmente é um problema, procure alternativas para solucioná-los, escolha uma delas e busque o seu objetivo. Não acredite em milagres, não espere que a solução venha por meio de favores ou pedidos de socorro. Encare a realidade e busque uma vida mais feliz. Tenha domínio sobre os seus problemas.

8. Pense antes de agir. Reflita: Quando você usou sua intuição para tomar uma decisão? O que é ser sábio?
:: Não tenha reações por impulso, pois muitas vezes eles são negativos. Pense, reflita, entenda os fatos. Uma pausa de minutos, horas ou dias, pode ser essencial para ajudar a tomar a melhor decisão. Saber avaliar as situações lhe fará enxergar a realidade com mais clareza. Evite questionar sem entender o contexto das coisas, não brigue pelo que você não acredita.

9. Valorize as suas amizades. Não adie os compromissos com os seus amigos. Pergunte-se: O que é amizade?
:: Quando um amigo ligar e chamá-lo para sair e se divertir, o que o faria não aceitar? Tudo que parece comprometer as suas relações de amizade não faz bem a sua alma. Ainda que seja o tempo gasto com trabalho ou estudo, é importante dividir as tarefas e prestar mais atenção no seu eu. Cuide-se mais! Aproveite o carinho dos seus amigos e seja carinhoso também. Não ache que há coisas mais importantes do que isso, encare suas amizades como parte essencial para a sua vida.

10. Viva a vida. Pergunte-se: Você é um sobrevivente ou um ser vivo?
:: Motive-se! Pense nos seus ideais, valorize o trabalho, valoriza a família, se dedique ao seu relacionamento amoroso. Sorria mais, experimente novos alimentos, misture novos temperos, mude os móveis de lugar, mude a cor das paredes, conheça a sua cidade, leia sobre diversos assuntos, converse mais com as pessoas ao seu redor, faça novas amizades. Essas dicas lhe ajudarão a entender que a vida é mais do que a casa, o trabalho e a faculdade. A rotina penumbra a importância das coisas. Não deixe que isso aconteça.

PEIXINHOS QUE FAZEM MASSAGEM E TRATAM OS PÉS

Os peixes que fazem os pés ou peixes pedicures ganharam destaque em Londres (Inglaterra) e nos Estados Unidos. Os peixes pedicures são carpas chamadas "garra RUFA" ou peixe médico Nibble porque ele retira toda a pele morta (cutículas) e os calos dos pés.
Os peixes que fazem as unhas dos pés foram utilizados pela primeira vez na Turquia e já são populares em alguns países da Ásia.
Nos EUA um local chamado fish spa tem mais de 1000 peixes, com aproximadamente 150 a 180 peixes pedicures em cada 'tanque pedicure'. O fish spa fica em Alexandria no estado da Virgínia, O "Yvonne Hair, Nails & Tanning Salon" oferece tempos diferentes de massagem pedicure para os pés. 15, 20 ou 30 minutos de peixinhos mordiscando seus pezinhos e comendo as células mortas.
Embora essa novidade possa agradar muitas mulheres que podem se animar em receber essa fantástica massagem feita pelos peixes e ainda terem seus pés livres de cutículas e restos de células mortas, as autoridades britânicas estão avaliando se esse tipo de pedicure não pode causar infecções em quem estiver com algum machucado nos pés.
O dono de um spa que mantém esse tipo de atendimento disse em uma reportagem feita pelo Jornal Hoje, que troca a água em que os peixes pedicures são mantidos ao menos 3 vezes em uma hora. Então, se você almeja colocar um tanques com peixes pedicures em seu salão de beleza, tenha em mente que a higiene deve ser primorosa e nunca deixar a mesma água depois que uma cliente deixar o tanque, sempre troque, por favor, hein!! Ah!! Me candidato a experimentar a novidade quando vier ao Brasil, depois eu conto a experiência aqui no Unhas Decor.

Veja todos os tratamentos oferecidos pelo spa:
Peixe Terapia
Nosso renomado Dr. Peixe ™ A terapia é uma experiência única revigorante.
15 minutos $ 35,00
20 minutos $ 40,00
30 minutos $ 50,00
Dr. Fish Pedicure
Dr. Peixe ™ Therapy (veja acima) com uma pedicure tradicional
15 minutos e Pedicure $ 45,00
20 minutos e Pedicure $ 55,00
25 minutos e Pedicure $ 65,00
Dr. Fish Pedicure Spa ™ Oceano
O melhor em relaxamento e rejuvenescimento, incluindo uma esfoliação de sal marinho, máscara relaxante legal, a terapia do calor, mel, leite creme e massagem reflexalogy
20 minutos & Spa Pedicure $ 70,00
25 minutos & Spa Pedicure $ 80,00
30 minutos & Spa Pedicure $ 90,00
 * Adicional Dr. Peixe ™ sessão de terapia pode ser comprado por $ 10,00 por 5 minutos.

segunda-feira, 4 de abril de 2011

AUTO-MASSAGEM AJUDA NA FERTILIDADE

Interessante essa auto-massagem para a fertilidade como um tratamento natural útil que pode ser feita em conjunto aos tratamentos tradicionais, na fertilização in vitro pode ajudar a aumentar sua taxa de sucesso de implantação.


1. Deite-se de um lugar confortável, mas firme. Flexione os joelhos e coloque as pernas sobre dois travesseiros;
2. Tome uma inspiração profunda pelo nariz e solte o ar pela boca;
3. Esfregue uma mão na outra com um óleo de massagem;
4. Com cuidado, feche seus olhos e comece a respirar lenta e profundamente. Inspire e expire profundamente três vezes;
5. Visualize estar em um lugar bonito e relaxante;
6. Coloque a palma de sua mão sobre a barriga, acima do seu umbigo. Coloque a outra mão em cima da mão e faça algumas respirações profundas para começar a usar essa área do corpo. Certifique-se de localizar o seu estômago;
7. Delicadamente faça círculos no sentido horário vai do estômago até o osso púbico e para trás. Faça isso pelo menos 30 vezes; e
8. Coloque suas mãos em cada lado do abdome logo abaixo das costelas e massagem em direção a área de cultivo. Estes devem ser movimentos suaves que sempre, ir de cima para baixo. Você pode fazer quantas repetições quiser, mas que pelo menos 10.
Esta massagem você deve ser feita todos os dias desde o fim da menstruação até o seu dia fértil, ou seja, o dia em que você espera ovular. Os resultados começam a aparecer efetivamente após 3 meses.
 
Boa sorte!

sábado, 2 de abril de 2011

AGENDE-SE! SERÁ NO FINAL DE SEMANA DOS DIA 16 E 17 DE ABRIL DE 2011

PREFIRO ENCARAR O ELEFANTE!


Ada Barak, dona de um spa no norte de Israel, faz uma massagem nada convencional: utiliza cobras (não venenosas) em suas sessões de massagem, que custam 300 shekels – cerca de R$140,00. São utilizadas seis cobras durante a massagem e a dona do spa garante um fantástico efeito terapêutico, tirando a dor dos músculos e facilitando a movimentação.


quinta-feira, 24 de fevereiro de 2011

VIVA MELHOR

São muitas as mensagens e os conselhos para que tenhamos uma vida melhor. Hoje encontrei esse texto bem interessante para compartilhar com voçês. A autoria se atribui a Benjamin Franklin. 
Diz mais ou menos assim: Faça como os passarinhos: comece o dia cantando. A música é alimento para o espírito. Cante qualquer coisa, cante desafinado, mas cante! Cantar dilata os pulmões e abre a alma para tudo de bom que a vida tem a oferecer. Se insistir em não cantar, ao menos ouça muita música e deixe-se absorver pela melodia.
Ria da vida, ria dos problemas, ria de você mesmo. A gente começa a ser feliz quando é capaz de rir de si mesmo. Ria das coisas boas que lhe acontecem, ria das besteiras que você já fez. Ria abertamente para que todos possam se contagiar com a sua alegria.
Não se deixe abater pelos problemas. Se você procurar se convencer de que está bem, vai acabar acreditando que realmente está e, quando menos perceber, vai se sentir realmente bem.
O bom humor, assim como o mau humor, contagia. Qual deles você escolhe?
Se você estiver bem-humorado, as pessoas ao seu redor também ficarão e isso lhe dará mais força.
Leia coisas positivas. Leia bons livros, leia poesia, porque a poesia é a arte de azeitar a alma.
Leia romances, leia a Bíblia, leia histórias de amor, ou qualquer coisa que faça reavivar seus sentimentos mais íntimos, mais puros.
Pratique algum esporte. As preocupações são tantas que precisam ser contrabalançadas com algum exercício físico, mesmo que seja uma simples caminhada.
Você certamente vai se sentir bem disposto, mais animado, mais jovem. Encare suas obrigações com satisfação. É maravilhoso quando se gosta do que se faz. Ponha amor em tudo que está ao seu alcance.
Desde que você se proponha a fazer alguma coisa, mergulhe de cabeça! Não viva emoções mornas, próprias de pessoas mornas. Você pode até sair arranhado, mas verá que valeu a pena.
Não deixe escapar as oportunidades que a vida lhe oferece, elas não voltam mais nas mesma circunstância. Não é você quem está passando, são as oportunidades que você deixa de usufruir. Nenhuma barreira é intransponível se você estiver disposto a lutar contra ela; se seus propósitos forem positivos, nada poderá detê-los.
Não deixe que seus problemas se acumulem, resolva-os logo. Fale, converse, explique, discuta: o que mata é o silêncio, o rancor. Exteriorize tudo, deixe que as pessoas saibam que você as estima, as ama, precisa delas, principalmente em família.
Volte-se para as coisas puras, dedique-se à natureza. Cultive o seu interior e ele extravasará beleza por todos os poros. Agradeça a Deus pelo que você tem, e perceberá que sempre terá mais do que precisa. Tenha fé em algo mais poderoso do que você mesmo: tenha fé em Deus.
Agindo assim, você terá estímulo para viver, do contrário nada fará sentido. Não tente, faça. Você pode!
***
Não existe nenhuma fórmula mágica que possa resolver as dificuldades e os problemas naturais, que fazem parte do processo evolutivo de cada criatura.
Todas as propostas e soluções para uma vida melhor dependem de cada pessoa, do seu esforço, da sua perseverança e da sua ação confiante nas leis que regem a vida.

segunda-feira, 21 de fevereiro de 2011

MASSAGEM TAILANDESA


A técnica tem objetivo mais energético que o físico. Utilizando manobras corporais que envolvem torções, compressões e alongamentos profundos, consegue-se liberar pontos onde a energia vital está com o trânsito bloqueado.
A Massagem Tailandesa é relativamente uma técnica nova de massagem, hoje encontrada e executada em diversas clínicas e por diversos profissionais, mas na verdade foi desenvolvida por Monges Budistas na Tailândia como uma modalidade de cura há 2.500 anos. A Massagem Tailandesa utiliza a pressão de alongamento passivo e suave ao longo das linhas de energia do corpo a aumentar a flexibilidade, aliviar a tensão muscular, articular e equilibrar os sistemas de energia do corpo, e é profundamente relaxante e energizante.
A Massagem Tailandesa é aplicada em uma esteira futon no chão, e você pode usar roupas soltas. Algumas clínicas ( profissionais ) oferecem-lhe uma roupa ( roupão ) para vestir, outros podem pedir-lhe para vestir algo folgadas e confortáveis, como calças de abrigo, e até mesmo só com suas roupas íntimas ou com a nudez durante a sessão de Massagem Tailandesa. Você começa por colocar em sua volta, e o terapeuta usa compressão suave e técnicas de alongamento para abrir o seu corpo. Algumas pessoas dizem que a Massagem Tailandesa é um pouco parecida com Yoga sem esforço, porque o terapeuta vai empurrar seu corpo em várias posições sem qualquer trabalho de sua parte.
O terapeuta usa literalmente o seu corpo todo, incluindo os pés, para mover seu corpo em várias posições durante a massagem tailandesa, assim, de certa forma ela se sente mais íntimo do que uma massagem sueca, onde você se deitou sobre uma mesa de massagem e são cobertas com folhas .
A Massagem Tailandesa tem suas raízes em uma tradição espiritual, e seu objetivo é curar uma pessoa fisicamente, emocionalmente e espiritualmente. Não deve ser confundida com massagem sensual.
Gostaria de fazer o curso de Massagem Tailandesa? Na minha comunidade do orkut tem um proposta: